Rondonópolis: Morre 3° trabalhador vítima de soterramento após estrutura desabar em empresa.

Vítima sendo socorrida pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) .

Mais uma vítima do soterramento que aconteceu na empresa de fertilizantes no Distrito Industrial não resistiu aos ferimentos e morreu. Diego Roberto Rafael Pereira da Silva, 32 anos, morreu após uma parada cardíaca na noite desta segunda-feira (16), no Hospital Unimed, em Rondonópolis (MT).

O acidente de trabalho aconteceu no sábado (14) onde a estrutura metálica do silo desabou e atingiu 5 funcionários. Dois trabalhadores morreram no local e 3 foram socorridos com vida.

Conforme informações registradas no Boletim de Ocorrência, no dia do acidente Diego tinha sido encaminhado pelo SAMU até o Hospital Regional e depois havia sido transferido para o Hospital Unimed.

O rapaz estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). No documento consta que o acidente causou compressão traumática sobre o tronco e bacia do paciente que teve fratura cominutiva na bacia, hematoma retroperitoneal e choque hemorrágico.

ENTENDA O CASO

Cerca de 5 trabalhadores ficaram soterrados após a estrutura de uma empresa de fertilizantes desabar no Distrito Industrial.

No dia, três vítimas foram socorridas pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhadas em estado grave para o Hospital Regional.

Dois funcionários morreram no local.

Dois guinchos auxiliaram o trabalho da equipe do Corpo de Bombeiros.

Equipes do SAMU, Bombeiros, Politec, Polícia Militar e Polícia Civil estiveram na ocorrência.

AgoraMT

Foto: Bombeiros

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *