Tangará da Serra: Médico que foi esfaqueado após discutir com motorista deixa UTI.

Motorista foi ouvido pela polícia, confessou o crime e foi liberado em Tangará da Serra.

Jaime Oliveira Aguiar tem 44 anos e atua como cardiologista e intervencionista em Tangará da Serra.

O médico que foi esfaqueado depois que discutiu com um motorista que quase atropelou os cachorros dele, em Tangará da Serra, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular. No entanto, ele continua internado na unidade de saúde.

O caso ocorreu no dia 26 de novembro. Jaime Oliveira Aguiar tem 44 anos e atua como cardiologista e intervencionista em Tangará da Serra.
O motorista passava pela contramão em alta velocidade na rua onde fica a casa do médico.
 
Ele teria parado o carro após uma reclamação da vítima pelo risco que representava ao dirigir daquela forma naquele local e iniciado uma discussão com Jaime. 
O médico gritou que ele poderia ter atropelado os cachorros dele que estavam soltos no local.
 
O motorista pegou uma faca e atacou o médico com uma facada no pescoço e outro embaixo do peito.
 
Motorista liberado
 
A Polícia Civil informou que a Divisão de Homicídios da Delegacia de Tangará da Serra iniciou as investigações logo após o registro da tentativa de homicídio.
 
A investigação, coordenada pela delegada Alessandrah Marquez, identificou o veículo utilizado pelo criminoso e, posteriormente, continuaram as diligências para identificar o autor do fato. 
Na sexta-feira (3), um dos policiais da Delegacia de Tangará da Serra avistou o veículo em uma via pública da cidade. Ao identificar o suspeito, o prendeu e conduziu para a unidade policial.
 
O suspeito foi ouvido em interrogatório e confessou o crime, sendo liberado posteriormente, por estar fora do período de flagrante.
 
Leiagora
Foto: Divulgação

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *